Arquidiocesano promove visita na casa de alunos para celebrar início do ano letivo

10 de fev

Atividade promovida pelo Colégio Marista Arquidiocesano pretende fortalecer os vínculos afetivos com familiares e crianças

Com o objetivo de planejar algumas de suas atividades para o início do ano letivo e o período de adaptação da Educação Infantil de forma diferenciada, o Colégio Marista Arquidiocesano, localizado em São Paulo (SP), está indo até a casa dos seus alunos.

A ação, chamada “Arqui Maristinha na sua casa”, em alusão ao nome do novo espaço destinado para a Educação Infantil do Colégio, consiste em promover o primeiro contato da professora com as crianças do Infantil 2 e 3, não na escola, mas na casa da família de cada uma.

A visita é previamente combinada com os pais e segue todos os protocolos de segurança (uso de máscara, avental, face shield, álcool gel, protetor de sapatos, materiais higienizados e embalados).

Na ocasião, a docente leva uma “caixa mágica”, um elemento pedagógico importante e presente na rotina escolar da sala de aula. Por meio da caixa e seus elementos, é dado início à construção dos vínculos afetivos, aspecto fundamental para o período de adaptação da criança ao universo escolar, que faz parte do crescimento social e emocional. A partir dessa interação, é que as professoras iniciarão o contato diário on-line e presencial.

Denise Vieira Galvão César, mãe do aluno Ivan Vieira Galvão César, do Infantil II, achou a experiência muito positiva, pois pode se aproximar mais da docente que irá ministrar aulas para seu filho. “Ele se preparou para receber a Simone (Simone Coelho do Nascimento, professora responsável pela turma) e pode mostrar um pouco do seu mundo para ela. Foi uma “marca” no coração dele, pois passou o final de semana inteiro comentando com a família sobre a visita e ficou todo feliz para ir para a escola na segunda-feira”, revela.

“Sabemos que este ano de 2020 foi desafiador para todos nós e que o momento atual tem nos mostrado o quanto a presença é importante, que vai além do ambiente escolar. Precisamos estar atentos e flexíveis às possíveis mudanças, mantendo o acolhimento familiar e cuidado ao próximo, seguindo confiantes e esperançosos por um ano melhor e mais tranquilo”, afirma a coordenadora de Educação Infantil do Colégio Marista Arquidiocesano, Márcia Sayoko Nanaka.

Sobre os Colégios Maristas

Os Colégios Maristas estão presentes no Distrito Federal, Goiás, Paraná, Santa Catarina e São Paulo com 18 unidades. Nelas, os mais de 25 mil alunos recebem formação integral, composta pela tradição dos valores Maristas e pela excelência acadêmica. Por meio de propostas pedagógicas diferenciadas, crianças e jovens desenvolvem conhecimento, pensamento crítico, autonomia e se tornam mais preparados para viver em uma sociedade em constante transformação. Saiba mais em www.colegiosmaristas.com.br.

Com o objetivo de planejar algumas de suas atividades para o início do ano letivo e o período de adaptação da Educação Infantil de forma diferenciada, o Colégio Marista Arquidiocesano, localizado em São Paulo (SP), está indo até a casa dos seus alunos.

A ação, chamada “Arqui Maristinha na sua casa”, em alusão ao nome do novo espaço destinado para a Educação Infantil do Colégio, consiste em promover o primeiro contato da professora com as crianças do Infantil 2 e 3, não na escola, mas na casa da família de cada uma.

A visita é previamente combinada com os pais e segue todos os protocolos de segurança (uso de máscara, avental, face shield, álcool gel, protetor de sapatos, materiais higienizados e embalados).

Na ocasião, a docente leva uma “caixa mágica”, um elemento pedagógico importante e presente na rotina escolar da sala de aula. Por meio da caixa e seus elementos, é dado início à construção dos vínculos afetivos, aspecto fundamental para o período de adaptação da criança ao universo escolar, que faz parte do crescimento social e emocional. A partir dessa interação, é que as professoras iniciarão o contato diário on-line e presencial.

Denise Vieira Galvão César, mãe do aluno Ivan Vieira Galvão César, do Infantil II, achou a experiência muito positiva, pois pode se aproximar mais da docente que irá ministrar aulas para seu filho. “Ele se preparou para receber a Simone (Simone Coelho do Nascimento, professora responsável pela turma) e pode mostrar um pouco do seu mundo para ela. Foi uma “marca” no coração dele, pois passou o final de semana inteiro comentando com a família sobre a visita e ficou todo feliz para ir para a escola na segunda-feira”, revela.

“Sabemos que este ano de 2020 foi desafiador para todos nós e que o momento atual tem nos mostrado o quanto a presença é importante, que vai além do ambiente escolar. Precisamos estar atentos e flexíveis às possíveis mudanças, mantendo o acolhimento familiar e cuidado ao próximo, seguindo confiantes e esperançosos por um ano melhor e mais tranquilo”, afirma a coordenadora de Educação Infantil do Colégio Marista Arquidiocesano, Márcia Sayoko Nanaka.

Sobre os Colégios Maristas

Os Colégios Maristas estão presentes no Distrito Federal, Goiás, Paraná, Santa Catarina e São Paulo com 18 unidades. Nelas, os mais de 25 mil alunos recebem formação integral, composta pela tradição dos valores Maristas e pela excelência acadêmica. Por meio de propostas pedagógicas diferenciadas, crianças e jovens desenvolvem conhecimento, pensamento crítico, autonomia e se tornam mais preparados para viver em uma sociedade em constante transformação. Saiba mais em www.colegiosmaristas.com.br