5 dicas para aumentar a produtividade nos estudos

As crianças estão inseridas em um mundo cada vez mais multitarefa, mas será que esse é o modelo ideal para a educação infantil?

Hoje em dia, o profissional multitarefa é muito valorizado. Por isso, desde cedo, muitas crianças têm sido estimuladas a seguir a cartilha do “quanto mais, melhor”. Mas será que isso é eficiente para a educação infantil? Um estudo mostrou que apenas 2,5% da população consegue ser multitarefa sem perder a produtividade. Por isso, é importante seguir algumas dicas para aumentar a produtividade tanto no trabalho quanto nos estudos.

Em vez de estimular as crianças a assumirem o maior número de tarefas possível, o ideal é ensiná-las a administrar o tempo e as prioridades. Dessa maneira, elas crescem já tendo essas soft skills necessárias para o mundo adulto. “Pular constantemente de uma ação para outra reduz a capacidade de foco e atenção, reduz a criatividade, a produtividade e gera sentimento de estresse e sobrecarga”, explica Sheila Vanessa Faria Lippman Hey,  coordenadora de Educação Fundamental do Colégio Marista Paranaense.

Dicas para aumentar o foco e a produtividade nos estudos:

1. Elimine as distrações

Estudar com a televisão ligada ou com o celular do lado é uma armadilha para manter o foco. Por isso, o ideal é prestar atenção no conteúdo estudado sem nenhuma distração por perto. Inclusive, é possível buscar um lugar mais silencioso ou solicitar que as pessoas ao redor respeitem seu momento de aprendizagem.

2. Faça uma caminhada

Em alguns momentos, o cérebro realmente não quer se dedicar aos estudos. Nessas horas, o ideal é buscar alguma distração que também seja estimulante. Por exemplo, que tal uma caminhada ou uma brincadeira ao ar livre? Deixe o celular em casa e se concentre apenas na atividade física. Cerca de 20 minutos de caminhada já ajudam a manter o foco.

3. Ouça sons estimulantes

Você já ouviu falar do binaural beats? Esse é um tipo de música que utiliza diferentes frequências sonoras para estimular a atividade cerebral. Porém, é importante prestar atenção em si mesmo: se a música, mesmo calma, estiver distraindo você, deixe esta dica de lado.

4. Crie um planejamento de estudo

Durante a educação infantil, é normal que diversos assuntos diferentes sejam vistos todos os dias. Por isso, antes de iniciar os estudos em casa, é ideal criar um planejamento para saber as prioridades. Com isso, o aluno consegue privilegiar as matérias que têm mais dificuldade. 

5. Desenvolva o hábito

Manter o foco é algo que pode ser treinado todos os dias. Ou seja, se isso for estimulado desde cedo, a criança cresce cada vez mais preparada para a vida em sociedade. E mesmo que o mundo esteja cada vez mais acelerado, dar uma pausa para ler um livro ou relaxar sem estímulos é importante para o cérebro.

Compartilhar este post

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.